Quer integrar os diferentes sistemas da sua empresa e contar com os softwares, que otimizam a administração interna? Então, continue lendo este artigo, que mostraremos as vantagens de desenvolver uma aplicação que otimize o seu atendimento.

Agora entenda como funciona a integração de sistemas na sua empresa

As grandes empresas utilizam um conjunto de soluções tecnológicas, para a execução de qualidade nas rotinas operacionais. No entanto, conforme o empreendimento cresce, a infraestrutura de TI passa tem um grau de complexidade maior. 

Nesse sentido, a integração de sistemas é uma alternativa, para quem pretende criar um fluxo de trabalho otimizado.

Em um empreendimento que integra uma cadeia operacional, é possível tornar os processos eficazes. Assim, diminui os índices de erros.

Geralmente, os diferentes departamentos precisam de programas específicos. Isto é, seja para editar as planilhas, controlar o estoque, reconciliar as contas ou fazer ordens de compra.

O resultado é que muitas ferramentas diferentes, são usadas na organização. Quando elas não se integram umas às outras, que, aliás, fica difícil para os funcionários e equipes trabalharem de forma eficiente para alcançar os objetivos do negócio.

A integração de sistemas poupa tempo e dinheiro. Porque uma variedade de ferramentas para realizar tarefas cotidianas. O gestor implementa a menor quantidade possível e integra de forma compacta.

 

O que é a integração de sistemas?

Quer integrar os diferentes sistemas da sua empresa? Afinal, integrar os sistemas é reunir, vários componentes independentes e colocá-los para trabalhar em conjunto.

Se a sua empresa usa vários subsistemas diferentes, conectá-los em um só sem perder as informações valiosas. Assim, ajuda cortar os gastos. Como, ganhar produtividade, tomar as melhores decisões e ser competitivo.

Com a tecnologia tradicional, pelo menos um funcionário em cada setor, fará o registro da venda e sua respectiva consequência.

Como os sistemas não conversam entre si, milhares de horas são perdidas todos os anos nesse retrabalho. É como se cada departamento funcionasse como uma empresa diferente.

Com a integração de sistemas, uma informação precisa ser gerada uma única vez. Por tanto, será automaticamente transmitida para todos os outros departamentos.

De que forma ocorre a integração de sistemas?

Segundo o Gartner, o amadurecimento do Big Data acontece, a partir da compreensão das empresas. Quando entendem a importância de lidar com grandes volumes de dados.

Isso faz com que a integração de sistemas siga pelo mesmo caminho. Já que é um recurso que organiza a gestão em todas as áreas.

Essa integração acontece, quando utiliza os diversos sistemas básicos:

  • O banco a banco, em que uma ferramenta faz o intermédio entre os dois sistemas que sincronizam.
  • A troca de dados eletrônicos,  feita por meio de plataformas contratadas por empresas. As quais fazem a tradução das mensagens de cada sistema e repassam os dados para outros.
  • A API (Application Programming Interface), a mais utilizada, simples e segura ferramenta para integração de sistemas. Isso porque a solução possibilita que sistemas online se comuniquem entre si, sem a intervenção ou conhecimento de usuários.

Por que integrar os sistemas?

Porque as empresas garante que os seus sistemas conversem entre si. De tal forma que setores diferentes possam trocar os dados.

Isto é, serem produtivos e terem as rotinas com um número de conflitos menor. Assim, as informações circulam com maior rapidez, tornando a execução de serviços mais ágil.

Além disso, vivemos em tempos de alta competitividade, devido aos impactos da transformação digital na sociedade. A forte presença tecnológica na vida das pessoas, traz facilidades para problemas do cotidiano. Assim, afetando a forma como comunicamos, adquirimos conhecimento e consumimos.

Basicamente, estamos na era do consumo 4.0. Onde basta um smartphone com acesso à internet para comprar um produto, de qualquer lugar do mundo.

Dado o contexto, fazer a integração de sistemas, traz a empresa para essa nova realidade. Assim, aumentando o seu potencial competitivo e a colocando em uma posição entre os concorrentes.

Afinal, todas as empresas que têm perspectiva sobre o atual cenário do mercado. Sem dúvidas, já integram os seus sistemas e usufruem dos benefícios da inovação.

Quais os desafios da integração de sistemas?

Na maioria dos casos, o grande desafio para integrar os sistemas, é o crescimento do negócio dentro de uma cultura que não prioriza a transformação digital. À medida que a demanda aumenta e a organização se expande, o fluxo de dados cresce.

Para lidar com as questões implícitas à essa nova realidade. Os gestores adquirem os softwares e ferramentas digitais, para automatizar processos. O problema é que, se os sistemas não forem integrados desde o começo. A tendência é de que falhas de produtividade, a perca da qualidade das informações aparecam.

Dito isso, o ideal é que a empresa adote uma cultura alinhada à tecnologia. No entanto, nunca é tarde para trazer a transformação digital aos negócios, principalmente no mercado moderno.

Como a integração de sistemas funciona?

A integração de sistemas, é uma técnica que promove uma melhoria na organização das operações de um negócio. Ela busca a redução de custos, a diminuição da burocracia e a eliminação de impedimentos operacionais.

Além disso, a integração de soluções permite, a criação de rotinas com maior comunicação. Como também, na colaboração entre profissionais e um alinhamento mais amplo de estratégias.

Para permitir que as soluções de TI, sejam empregadas para a circulação de informações entre vários setores. Os gestores implementam diversas técnicas.

Como o uso de plataformas de cloud computing e APIs, por exemplo. Simplifica a criação de interfaces de comunicação, que amplia a capacidade da empresa escalar os recursos necessários.

Ao migrar os sistemas para a nuvem, as comunicações ganham segurança e confiabilidade. Com isso, a troca de dados é feita em ambientes isolados. Assim, o gestor distribui, as melhorias automaticamente a todos os usuários.

Já o uso de APIs (Application Programming Interface, ou Interface de Programação de Aplicativos, em português). Agiliza a adaptação de sistemas para um ambiente. Em que a troca de informações seja constante.

As APIs são interfaces de comunicação utilizadas, por aplicativos para a requisição de informações. A modificação de dados ou apenas comunicação entre os softwares. Elas são implementadas facilmente, ampliando a quantidade de funções que um software possui. Assim, permitindo a criação de serviços, com maior integração.

Quais são as vantagens dessa abordagem operacional?

Quer integrar os diferentes sistemas da sua empresa? A integração de sistemas, causa um grande impacto no funcionamento do negócio. As rotinas são otimizadas e processos passam a ser feitos com maior colaboração entre profissionais de vários setores. Veja a seguir as principais vantagens dessa abordagem.

A Redução de custos

A eliminação de falhas operacionais, causa a diminuição contínua dos custos de processos corporativos. Nesse sentido, os gestores de TI investem na integração de sistemas. Assim, cria os fluxos de trabalho simples, automatizados e com menor grau de retrabalho.

Consequentemente, a empresa executará as suas atividades. Com um nível menor de retrabalho, tornando os projetos e serviços econômicos.

Melhoria na performance

Ter uma cadeia operacional de alta performance, é fundamental. Assim, a empresa consegue atender os seus clientes e parceiros comerciais.

Nesse sentido, os ambientes corporativos com maior colaboração entre setores. Geram receitas maiores e têm um grau de inovação mais amplo. Os setores poderão se comunicar com mais facilidade. Isto é, definindo as estratégias em conjunto e criando rotinas de trabalho mais eficazes.

A otimização de processos

A otimização de processos é feita continuamente. Onde todos os empreendimentos, buscam se manter competitivos a médio e longo prazo. Portanto, ao integrar os sistemas, a empresa passa a ter os processos fáceis de serem otimizados.

Contudo, todas as rotinas são modificadas com mais facilidade. O que tornará a melhoria da cadeia operacional, ágil e fácil de ser acompanhada.

Maior integração entre setore

A criação de ambientes com alta integração, é algo ligado a qualquer empreendimento. Que atende às necessidades do mercado com serviços de qualidade. Nesse sentido, quando a empresa possui os serviços integrado. Todos os seus setores têm um alinhamento preciso, criando estratégias eficazes e capazes de gerar receitas amplas.

Consequentemente, os ambientes complexos e dinâmicos terão um fluxo de trabalho unificado. A priorização de serviços, será feita de acordo com as necessidades do negócio. Criando um portfólio de produtos capaz de atender às demandas do mercado.

A gestão inteligente do estoque

O controle do estoque, é fundamental para evitar a falta de produtos. Como também, os excessos de mercadoria sem giro e, ainda, contribuir na redução de custos.

Assim como é preciso ter a quantidade suficiente para atender à demanda dos clientes. Também é necessário manter o estoque sem exageros. Assim, prejudica o fluxo de caixa e evita o desperdício de mercadorias. Que, aliás, ficam paradas até perderem sua validade.

A integração de sistemas ajuda a solucionar esse dilema. Uma vez que permite ao gestor acompanhar os dados, que apontam metas e futuras evoluções de vendas. Dessa forma, é possível prever o tempo e o retorno do capital investido. Mantendo um estoque capaz de atender, exatamente às necessidades da empresa.

Como tornar a cadeia operacional do negócio eficaz e econômica?

A gestão administrativa de excelência, é baseada em um conjunto de conceitos e rotinas. Que buscam otimizar, ampliar a integração entre os vários profissionais, que compõem a cadeia operacional de um negócio.

Nesse sentido, as medidas promovem a melhoria contínua de um empreendimento. Esse é um dos objetivos da integração de sistemas, uma técnica que facilita a criação de um ambiente colaborativo. Com um número menor de erros operacionais.

Ao compreender todas as ferramentas corporativas, como parte de uma cadeia de serviços. Que impacta diretamente nos objetivos do negócio. O gestor tem a oportunidade de melhorar o desempenho organizacional de todo o setor. Isso otimiza os aspectos das gestões financeira e administrativa.

A elaboração de estratégias de mercado, assim como as métricas internas. Será feita por vários setores com foco nos objetivos de médio e longo prazo do empreendimento. Dessa forma, todos trabalharão lado a lado, em um fluxo contínuo e com baixo índice de erros.

Os sistemas internos, são implementados e integrados para que sejam capazes de gerar resultados positivos de forma contínua. Com uma ênfase na melhora de serviços, a empresa identifica e elimina os gaps rapidamente. Assim, o atendimento aos clientes terá uma qualidade maior, melhorando a presença do empreendimento no mercado.

Quais os fundamentos de TI para uma integração de sistemas segura?

Quer integrar os diferentes sistemas da sua empresa? Portanto, são necessários alguns requisitos para ajudar no atendimento da demanda das empresas. Veja.

A escalabilidade de memória

Com o aumento da quantidade de transações realizadas, o volume de dados também cresce consideravelmente. Assim, a melhor maneira de assegurar um alto nível de desempenho e de confiança é utilizar uma arquitetura In Memory Computing  ou os dados na memória do computador. Que distribui o processamento por meio de múltiplos núcleos, com memória dedicada e maior poder de processamento.

Dessa forma, se um núcleo falhar, o sistema integrado automaticamente troca o processamento para outro, evitando a perda de dados. À medida que os requisitos de processamento aumentam, o sistema convoca mais núcleos, adicionando escalas quando necessário.

O monitoramento em tempo real e registro permanente de dados

Como o volume de informações que trafega pelos sistemas é grande. As empresas precisam de condições, para monitorar em tempo real os seus processos e transações.

Aquelas que utilizam as plataformas integradas, com capacidade de rodar múltiplos processos paralelamente e com recuperação automática. Assim, terão menos problemas conforme erros forem eliminados.

Contudo, também é necessário que essas plataformas de integração, tenham Bancos de Dados Operacionais completos (ODS). Possam registrar os dados para possíveis revisões futuras de auditores e órgãos fiscalizadores.

A integração segura

É imprescindível tomar todos os cuidados com a manutenção da privacidade, confidencialidade e segurança das informações. Pois as ameaças vêm de todos os lados, como por exemplo, dos concorrentes, dos funcionários, dos governos estrangeiros e dos hackers.

Por isso, os sistemas integrados cumprem com as melhores práticas, em relação à segurança e integridade dos dados. As funcionalidades de segurança atendendo aos padrões de autenticação e direitos dos usuários.

A funcionalidades customizáveis

Um sistema integrado precisa ter as suas funcionalidades bem projetadas e customizáveis. Assim, será capaz de se conectar com múltiplos sistemas, manipular múltiplas nuvens, bem como gerenciar os dados. Seguindo o fluxo de trabalho dos usuários e as necessidades corporativas da organização.

Quer integrar os diferentes sistemas da sua empresa?

Quanto mais rápida e eficiente for a conexão das informações, por meio da integração de sistemas. Facilmente a empresa consegue compartilhar as informações, com os seus colaboradores, fornecedores, parceiros e os clientes.

Além disso, haverá a capacidade de superar os desafios, da legislação pertinente ao seu segmento. Também aumenta a competitividade no mercado.

Então, gostou de entender como funciona a integração de sistemas? Você quer saber como a sua empresa pode usufruir dos benefícios de implementar inovação nos negócios? Entre em contato com a nossa equipe para conhecer as melhores soluções integradas do mercado!